Para atualizações gratis via email: DIGITE SEU EMAIL:

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

2008: décimo ano consecutivo em que a Terra não esquentou. Há 6 anos ela está esfriando, demonstram cientistas

Neve recorde em Londres, fevereiro de 2009
O ano de 2008 foi mais um de pesadelo para os alarmistas do “aquecimento global”, escreveu o Dr. Richard Lindzen, climatologista do Massachusetts Institute of Technology (MIT), citado pelo Hawaii Reporter.

Uma das razões, e não é a menor, é que em 2008, pela décima vez consecutiva a temperatura global da Terra não aumentou.

E não somente isso, ela vem esfriando há seis anos sem interrupção.

Mas, o Prof. Lindzen, como muitos outros científicos honestos, se sente revoltado vendo que dados científicos básicos como este que deveriam ser informados largamente pela imprensa, são na prática abafados.

Fontaine des Innocents congelada em Paris, 2009Os holofotes midiáticos miram só os grupos ou órgãos que espalham o pânico do “aquecimento global”.

Por isso, Lindzen se pergunta:

1) se o medo do “aquecimento global” tem uma outra finalidade que não é científica;

2) se os problemas do clima não estão sendo manipulados para promover objetivos políticos.

A conduta desses grupos de pressão não é própria de cientistas.

Essa conduta, de fato, inibe o progresso da ciência e a promoção de políticas inteligentes em matéria de energia.

Se uma boa metade de membros da comunidade científica – precisamente os que mostram os exageros e absurdos do catastrofismo – são ignorados pelos jornais científicos, insultados com ataques pessoais pelos promotores desse alarmismo, ignorados e menosprezados pela mídia, então o genuíno progresso racional da ciência está sendo bloqueado.

Marselha sob a neve, 2009Lindzen preparou um bom estudo que descreve a origem do alarmismo pelo “aquecimento global”, a agenda política que está por trás dos alarmistas, suas táticas de intimidação, e as cumplicidades que há por trás de seus sucessos espetaculares na mídia profana.

Aeroporto de Barajas, Madri, 2009

Desejaria receber atualizações do blog "Verde: a cor nova do comunismo" gratis no meu Email

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário! Escreva sempre. Este blog se reserva o direito de moderação dos comentários de acordo com sua idoneidade e teor. Este blog não faz seus necessariamente os comentários e opiniões dos comentaristas. Não serão publicados comentários que contenham linguagem vulgar ou desrespeitosa.