Para atualizações gratis via email: DIGITE SEU EMAIL:

domingo, 12 de julho de 2020

O que é o CO2 (dióxido de carbono)?
É tão ruim como dizem? É bom?
Dados básicos, escolares

Pinheiros: com maiores doses de CO2 cresceram mais
Pinheiros: com maiores doses de CO2 cresceram mais
Luis Dufaur
Escritor, jornalista,
conferencista de
política internacional,
sócio do IPCO,
webmaster de
diversos blogs




Por vezes, um simples verbete ou pequeno resumo escolar sobre determinado assunto pode ser mais esclarecedor do que um aprofundado tratado de vários volumes.

A popular enciclopédia digital Wikipedia, no verbete “Dióxido de Carbono” – o famoso CO2 – fornece informações que um aluno recebe na escola, mas que os “aiatolás” da religião verde fingem desconhecer.

“O dióxido de carbono é essencial à vida no planeta. É um dos compostos essenciais para a realização da fotossíntese – processo pelo qual os organismos vegetais transformam a energia solar em energia química.
Esta energia química, por sua vez, é distribuída para todos os seres vivos por meio da teia alimentar e é vital para a manutenção dos seres vivos.

“O carbono é um elemento básico na composição dos organismos, tornando-o indispensável para a vida no planeta.

“O CO2 é um dos gases do efeito estufa que menos contribui para o aquecimento global, já que representa apenas 0,03% da atmosfera.



CO2: indispensável para a vida no planeta e base da teia alimentar Mercado em LaBoqueria, Barcelona
CO2: indispensável para a vida no planeta e base da teia alimentar
Mercado em LaBoqueria, Barcelona
“Nas últimas décadas, devido à enorme queima de combustíveis fósseis, a quantidade de gás carbônico na atmosfera tem aumentado muito, mas isto não prova que o gás carbônico contribui com relevância para o aquecimento do planeta.

“A concentração de CO2 na atmosfera começou a aumentar no final do século XVIII, quando ocorreu a revolução industrial. Desde então, a concentração de CO2 passou de 280 ppm (partes por milhão) no ano de 1750, para os 393 ppm atuais.

“Este acréscimo implica o aumento da capacidade da atmosfera em reter calor e, mas não consequentemente, da temperatura do planeta, pois houve decréscimos de temperatura também neste período.”

Em suma, se por absurdo o mundo ficasse sem CO2, a vida da Terra seria extinta e o Planeta se assemelharia à Lua ou a Vênus.

Que classe de “humanistas” combatem o CO2? Se conseguissem acabar com ele – coisa aparentemente impossível – não seriam os culpados pelo maior genocídio da história universal?


Veja a vegetação crescer cada vez mais e mais rápido com o aumento de CO2:

No vídeo abaixo, a muda de feijão-fradinho (à esquerda) foi sendo fotografada crescendo num ambiente com o CO2 em 450ppm (a média global atual é de 360ppm/392ppm).


A muda da direita do mesmo feijão, num ambiente artificial com o nível de CO2 em 1.270ppm, ou seja um nível de CO2 282% maior.

Neste ambiente a vegetação cresceu mais e melhor, produzindo mais alimento e bem-estar. O CO2 é o “gás da vida”. Sem ele a vegetação se extinguiria e a Terra seria um planeta morto.

A diferença final, num teste de 42 dias, apontou os seguintes resultados na muda que cresceu com o CO2 em 1.270ppm: aumento de biomassa na colheita = +44%; aumento do número de folhas na colheita = +38%; aumento do peso de cada folha na colheita = +9%; aumento do peso final = +143%; aumento do tamanho das raízes na colheita = +339%.



3 comentários:

  1. no eoceno, o CO2 era cinco vezes maior...

    ResponderExcluir
  2. Li ,gostei e postei .
    Artigo importante ao ponto de ter leituras .
    Obrigada ,PROFESSOR .

    ResponderExcluir

Obrigado pelo comentário! Escreva sempre. Este blog se reserva o direito de moderação dos comentários de acordo com sua idoneidade e teor. Este blog não faz seus necessariamente os comentários e opiniões dos comentaristas. Não serão publicados comentários que contenham linguagem vulgar ou desrespeitosa.